Mundo a Vapor em Canela: saiba mais sobre e tenha desconto

O Mundo a Vapor, em Canela, é uma grande viagem ao tempo. Prepare-se para voltar à época onde tudo era movido à vapor.

Esse parque é um dos mais visitados da região. Você vai passear pelos seis continentes do planeta, descobrindo como cada país foi impactado pela força do vapor.

Descubra mais sobre o Mundo a Vapor e como conseguir descontos no ingresso! 

O que você vai encontrar no Mundo a Vapor em Canela?

Dentre as principais atrações do parque estão:

Locomóvel

Locomóvel é uma máquina que ao produzir vapor gera a pressão que move os mecanismos do cilindro que ativa a máquina. Ela não anda, é fixa e foi muito utilizada pela indústria no século passado.

Fábrica de Papel

A menor fábrica de papel do mundo também é uma das atrações no parque. Construída pelos irmãos Urbani a partir de pedaços da esteira original de uma fábrica de celulose e papel existente em Canela, a réplica impressiona pelos detalhes e funcionamento perfeito, transformando a pasta (que é feita a partir da fibra de madeira) em papel. A pequena amostra daquele papel que nasce na frente do público costuma ser entregue como lembrança.

Usina hidrelétrica

essa é uma réplica da Usina Hidrelétrica localizada na cidade de Canela. Esse tipo de geração de energia é a responsável por 70% da produção de energia no Brasil.

Maquete Linha Férrea

Um dos destaques do parque é uma maquete de sete metros que reproduz a linha férrea entre Porto Alegre e Canela, extinta em 1963. A viagem durava cerca de sete horas.  A maquete mostra as belezas do trajeto e revela detalhes dos costumes locais e do modo de vida das comunidades de imigrantes por onde o trem passava.

Siderúrgica

Você vai conhecer a réplica de uma siderúrgica da Alemanha do ano de 1940, onde o ferro é produzido a partir da sucata. Seus olhos vão poder acompanhar o metal bruto sendo forjado, moldado e transformado bem na sua frente.

Oficina

Uma réplica da Oficina da família Urbani, onde Omar, Benito e Hermes iniciaram seus trabalhos e se inspiraram para fazer as réplicas que estão presentes no parque. O espaço conta com peças originais utilizadas pelos irmãos.

Olaria

O cenário que remonta ao ano de 1910 reproduz uma olaria, onde é possível ver de perto como acontece a produção de tijolos maciços. A matéria-prima – barro ou a argila – é transformada em tijolo e depois em telha na frente do espectador, que passa a entender a importância da máquina a vapor neste processo. A olaria produz cerca de 300 pequenos tijolos e telhas por dia que cabem na ponta de um dedo!  Ao final da explicação, a miniatura é entregue ao visitante como lembrança.

Pedreira

Tendo como referência o ano de 1885, nessa réplica é possível ver um britador sendo movido por uma máquina a vapor, demonstrando como acontecia o processo de extração das rochas nesta época. Através de dinamite, talhadeiras e marretas, pedreiros extraiam manualmente as pedras, tendo a máquina a vapor como parceira nesta árdua empreitada.

Moinho de pedra

O moinho de pedra é uma herança deixada pelos colonizadores italianos no Rio Grande do Sul, que através dele produziam a farinha de milho utilizada para alimentar as famílias. A roda d’água do moinho é movimentada por duas pedras por onde passam os grãos que vão para a peneira e transformam-se em farinha bem na sua frente!

Rolo compressor

Esta réplica mostra um rolo compressor fabricado na Alemanha em 1927. Ele pesava 10 toneladas, tinha potência de 35 HP e era movido a água e lenha. Esta máquina era usada para compactar o solo, deixando a terra plana para pavimentação de estradas. Para que você tenha uma ideia de escala, também verá neste cenário a réplica de um operador da máquina a vapor.

Fábrica de Erva Mate

Você sabia que a bebida mais famosa do Rio Grande do Sul vem de uma árvore? As folhas e talos que são colhidos da erva-mate passam por um processo de desidratação em estufa ou sapeco (as folhas ficam próximas a um braseiro). Depois vão para o soque, onde pilões, que são movidos por uma roda d´água, moem as folhas até que cheguem ao ponto certo para o chimarrão, tradicional bebida apreciada pelos gaúchos. Essa tradição data de 1930.

Usina termelétrica

Você vai encontrar no Mundo a Vapor o cenário que exibe a forma de energia que mais cresce no mundo: a usina termelétrica. Cerca de 28% da energia nacional vem das usinas termelétricas, utilizando carvão mineral, biomassa, gás natural e outros recursos para a geração de energia. Esta é uma energia rápida em termos de produção, contudo, cara e poluente.

Serraria

No início da colonização da cidade de Canela (por volta de 1924), a principal fonte econômica eram as serrarias, que exploravam o corte da árvore chamada araucária. Você verá em exposição no parque o modelo de uma serraria em pleno funcionamento, sendo movida por uma máquina a vapor. O cenário é rico em detalhes e mostra todas as etapas pela qual a madeira passa quando chega a uma serraria.

Ferraria

A máquina a Vapor é que movimenta todas as réplicas da Ferraria, cp, serra para corte do ferro, ventoinha para soprar o carvão, martelete para manhar grandes peças de ferro e a máquina de afiar. Na época (1924), esse trabalho era essencial para produção e cuidado de diversas ferramentas. Você vai ver tudo funcionando, 20 vezes menor do que o tamanho real, com homenzinhos trabalhando!

Barco a vapor

Nesse barco a Vapor você vê a caldeira a vapor que movimenta a roda d’água para colocar o barco em movimento!

Quanto é o ingresso para o Mundo a Vapor em Canela ?

A entrada para o Mundo à Vapor varia de acordo com a idade, veja a seguir:

Passaportes bilheteria*

  • Inteira: R$60,00
  • Meia (crianças de 4 a 14 anos, idosos, estudante e doador): R$30,00 
  • Professores e Militares: R$48,00

*Os valores variam de acordo com a temporada

Como conseguir cupom de desconto em Canela e Mundo à Vapor?

Sendo membro do nosso Club, você tem 10% de desconto no Mundo a Vapor e em outros mais de 250 locais. 

O Gramado Blog Club é a melhor forma de economizar em Gramado. Para fazer parte, você paga uma única vez – não tem mensalidade.

E o melhor de tudo: todos os seus acompanhantes poderão usar com você.

Assine agora o Gramado Blog Club e economize na sua viagem!

Saiba como gastar menos em Gramado

Gramado Blog Club

Abrir Chat
Precisa de ajuda?
Olá, podemos te ajudar?